Conferências FFLCH - USP, I Congresso Internacional Pensamento e Pesquisa sobre a América Latina

Tamanho da fonte: 
Mapeando as Primeiras Sociologias das Ciências Sociais Latino-americanas
Felipe Brito Macedo, Márcia Rangel Candido

##manager.scheduler.building##: Departamento de História/FFLCH - USP
##manager.scheduler.room##: Sala 12
Data: 2019-05-09 10:30  – 01:00
Última alteração: 2019-05-04

Resumo


Os estudos sobre as Ciências Sociais são quase tão antigos quanto os diferentes processos de institucionalização de suas grandes áreas no âmbito global. Nas abordagens pioneiras, duas questões estavam frequentemente em jogo: por um lado, os fatores estruturais referentes à disposição de espaços de ensino e pesquisa; por outro, o âmbito do conteúdo intelectual, no qual eram discutidos os temas, metodologias e perspectivas teóricas. Ao longo dos anos 1950-60, a expansão institucional das décadas antes se intensifica na América Latina, acompanhando um movimento de regionalização dos circuitos e debates intelectuais. O objetivo do presente trabalho é analisar produções deste período que analisem as próprias Ciências Sociais pelo escopo regional latino-americano – comparado ou transversal. Para tal, realizamos um mapeamento sócio-histórico das publicações de relatórios gerais da UNESCO e de trabalhos na Revista Latinoamericana de Sociología e da Revista América Latina, esta última ligada ao Centro Latino-Americano de Pesquisas em Ciências Sociais (CLAPCS, 1957-77), do também analisamos seminários e pesquisas realizadas neste âmbito. A escolha temporal e espacial é justificada pelo contexto, em primeiro lugar, pelo significativo florescimento de agendas de trabalho e contribuições teóricas regionais sobre assuntos como, por exemplo, o desenvolvimento e a modernização, os estudos urbanos, rurais, de gênero e de raça. Em segundo, pela ênfase regional ter caracterizado diversas iniciativas de consolidação das Ciências Sociais em distintos países latino-americanos. A apuração qualitativa deste material mostra que a origem das Ciências Sociais na América Latina está profundamente relacionada a conflitos de ideias, posições e contestações acerca do lugar periférico que a região ocupou na formação incipiente e desigual de um sistema internacional de conhecimento.

 


Palavras-chave


Ciências Sociais Latino-americanas; Revista Latinoamericana de Sociologia; Revista América Latina; Centro Latino-americano de Pesquisas em Ciências Sociais