Conferências FFLCH - USP, I Congresso Internacional Pensamento e Pesquisa sobre a América Latina

Tamanho da fonte: 
Poéticas da diáspora negra no contexto da mundialidade: diálogos Afrolatinoamericanos e caribenhos
Michel Mingote Ferreira de Azara

##manager.scheduler.building##: Departamento de História/FFLCH - USP
##manager.scheduler.room##: Sala 10
Data: 2019-05-07 10:30  – 01:00
Última alteração: 2019-05-18

Resumo


A presente comunicação pretende, a partir da obra poética de Edimilson de Almeida e Adão Ventura, dois poetas brasileiros contemporâneos, e do livro seminal do poeta martiniquenho Aimé Cesaire intitulado Diário de um retorno ao pais natal (1939), refletir acerca daquilo que o filosofo camaronês Achille Mbembe nomeou de um pensamento Afropolitano, uma poética do mundo no contexto cultural transnacional da diáspora negra. Neste sentido, para realizarmos tal leitura, consideraremos o Atlântico Negro, de paul Gilroy, A Crítica da razão negra, de Achille Mbembe, o Lugar de negro, de Lélia Gonzales,  e o tratado do Todo-mundo de Édouard Glissant, além do pensamento e obra de outros autore(a)s negro(a)s. Assim sendo visamos, na perspectiva de uma epistemologia negra, propor alguns diálogos e conexões entre o Atlântico Afrolatinoamericano e caribenho através da experiência literária. Por fim almejamos salientar, na obra dos autores selecionados, a abertura a um pensamento planetário, à poesia/vida no contexto atual da mundialidade.


Palavras-chave


Literatura