Conferências FFLCH - USP, I Congresso Internacional Pensamento e Pesquisa sobre a América Latina

Tamanho da fonte: 
Estudos Latino-americanos como uma inovação curricular na Educação Básica brasileira
Evelin Cunha Biondo, Edson Antoni

##manager.scheduler.building##: Prédio da Letras/ FFLCH - USP
##manager.scheduler.room##: Sala 131
Data: 2019-05-08 02:00  – 05:00
Última alteração: 2019-05-03

Resumo


Pensando nas abordagens sobre a América Latina, que se refletem na legislação, nos livros didáticos e no currículo do Ensino Básico brasileiro, o Colégio de Aplicação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - CAP/ Ufrgs - apresenta em sua estrutura curricular regular, desde o ano de 2015, o componente curricular “Estudos Latino-americanos”. É objetivo deste trabalho sustentar que este componente representa uma inovação curricular na Educação Básica brasileira. De caráter interdisciplinar, é ministrado simultaneamente por dois professores de diferentes áreas do Departamento de Humanidades, prioritariamente com formação em História e Geografia. O componente curricular insere-se no contexto dos desafios e das transformações teóricas que visam superar a colonialidade do saber, refletindo sobre o caráter colonialista e eurocêntrico que geralmente caracteriza o ensino da América Latina no currículo tradicional. Seu arcabouço teórico parte de referenciais do pensamento decolonial, introduzindo uma nova forma de pensar as questões relacionadas à América Latina na Educação Básica. Está organizado a partir de eixos temáticos que, nos anos finais do Ensino Fundamental, compreendem: as representações e a formação do espaço latino-americano; o processo de ocupação humana do território; a diversidade cultural; a inserção da América Latina no Sistema-Mundo; as diferentes formas de organizações e mobilizações sociais; e as características políticas, econômicas, sociais e culturais da América Latina no século XXI. Reafirmamos o caráter inovador da proposta que configura-se também como: criadora de espaço de experimentação de novas abordagens sobre o ensino da América Latina; espaço de produção e socialização de conhecimento sobre a América Latina, tensionando a produção acadêmica de abordagem tradicional; espaço de observação, pesquisa e prática docente para alunos dos cursos de formação de professores; e capaz de fomentar aprendizagens significativas e reflexivas acerca da América Latina para os alunos, acadêmicos em formação e professores do componente.



Palavras-chave


Educação; Currículo; Estudos Latino-americanos; Pensamento decolonial; Colégio de Aplicação