Conferências FFLCH - USP, I Congresso Internacional Pensamento e Pesquisa sobre a América Latina

Tamanho da fonte: 
Demandas e reivindicações populares nas cartas dos trabalhadores para Getúlio Vargas e Juan Domingo Perón
Mayra Coan Lago

##manager.scheduler.building##: Departamento de História/FFLCH - USP
##manager.scheduler.room##: Sala 10
Data: 2019-05-10 09:00  – 01:00
Última alteração: 2019-05-03

Resumo


Nosso objetivo é analisar, de forma comparada, as construções dos imaginários sociais pelos trabalhadores durante o Estado Novo (1937-1945) e o Primeiro Peronismo (1946-1955), a partir da prática epistolar. Para lograr o objetivo, selecionamos como fontes principais as cartas dos trabalhadores enviadas para Getúlio Vargas e Juan Domingo Perón, recebidas pela Secretaria da Presidência, no caso brasileiro, e pela Secretaria de Assuntos Técnicos da Presidência, posteriormente transformada em Ministério de Assuntos Técnicos da Presidência, no caso argentino. A partir da análise dos “chamados políticos” dos governantes, das estruturas governamentais e das cartas consideramos que os trabalhadores e os presidentes produziram um espaço simbólico, de diálogo direto e pessoal, que foi alimentado e legitimado por ambas as partes, levando em consideração as situações comuns e as diferenças que marcaram as experiências históricas no Brasil e na Argentina.

Palavras-chave


cartas; Getúlio Vargas; Juan Domingo Perón