Conferências FFLCH - USP, I Congresso Internacional Pensamento e Pesquisa sobre a América Latina

Tamanho da fonte: 
O Romantismo na construção da identidade e da literatura-americana: mais encontros que desencontros
Arlete Borba Silva

##manager.scheduler.building##: Departamento de História/FFLCH - USP
##manager.scheduler.room##: Sala 13/Ilana
Data: 2019-05-07 10:30  – 01:00
Última alteração: 2019-04-25

Resumo


Este trabalho visa apresentar parte do estudo panorâmico desenvolvido pelo crítico Rudolf Grossmann, Historia y problemas de la literatura latinoamericana (1972), que trata dos múltiplos traços que compõem as literaturas produzidas nos diversos países do território latino-americano. A pesquisa se concentra nos pontos de aproximação e divergências dos traços fundamentais dessa literatura, além dos escritores e das obras que se destacaram no Romantismo vivenciado no contexto latino-americano. Poetas como o brasileiro Gonçalves dias, o argentino Mármol, o colombiano Rafael Pombo, o brasileiro Álvares de Azevedo, o chileno Bello Salvador Safuentes, o uruguaio Alejandro Magariños Cervantes e o brasileiro José de Alencar, tem suas obras aproximadas, por meio de temas ou outros aspectos que estabelecem um campo dialógico entre as obras. Além disso, o estudo apresenta as diversas proposições de estudiosos e investigadores, que preocupados em delimitar os âmbitos significativos do processo literário do continente, levantaram dados sobre o período denominado Romantismo dentro do contexto latino-americano. Essas asserções sobre o Romantismo também são discutidas na obra organizada pela crítica Ana Pizarro, America latina: palavra, literatura e cultura (1995), e deixam entrever por meio dos olhares, que ora se cruzam, ora se distanciam, o movimento que essas literaturas apresentam. Ainda são apresentados os artigos da obra América Latina em sua literatura (1972), que envolvem o Romantismo, em que os escritores apontam recursos para se analisar o fenômeno do encontro de culturas na literatura latino-americana: a questão temática e o problema linguístico. Fatores que contribuíram para a configuração de uma literatura complexa em suas peculiaridades, mas que compartilhou momentos comuns.

Palavras-chave


Romantismo; Escritores; Traços múltiplos; Identidade; Literatura latino-americana